Ano litúrgico B – 4 Tempo Comum – 15 – Cristo, Rei do Universo

Ano litúrgico B – Cristo, Rei do Universo – Cor litúrgica: Branca- Leituras: 2Samuel 23.1-7; Salmo 132.1-12 (13-18); Apocalipse 1.4b-8; João 18.33-37

 

Processional

Prelúdio

Saudação (Apocalipse 1.4b-5a)

Que a graça e a paz lhes sejam dadas da parte de Deus, aquele que é, que era e que há de vir; da parte dos sete espíritos que estão diante do seu trono e da parte de Jesus Cristo, a testemunha fiel!

Oração de Adoração

Chamada a Adoração (Salmo 132.6-9)

Oficiante: Em Belém ouvimos falar a respeito da arca da aliança e nós a encontramos nos campos de Jearim. Então dissemos:

Povo: “Vamos à casa de Deus, o Senhor; vamos adorá-lo diante do seu trono.”

Oficiante: Ó Senhor, vem para o teu Templo, com a arca da aliança, que representa o teu poder, e fica ali para sempre!

Povo: Que os teus sacerdotes façam sempre o que é certo! Que os teus servos fiéis gritem de alegria!

 

Cântico Congregacional

Chamada à confissão (João 18.37)

Foi para falar da verdade que eu nasci e vim ao mundo. Quem está do lado da verdade ouve a minha voz.

 

Cântico Congregacional

Oração silenciosa

Oração de confissão

Declaração de perdão (Apocalipse 1.5b-6)

Oficiante: Ele é o primeiro Filho, que foi ressuscitado e que governa os reis do mundo inteiro.

Povo: Ele nos ama, e pela sua morte na cruz nos livrou dos nossos pecados, e fez de nós um reino de sacerdotes a fim de servirmos ao seu Deus e Pai.

Oficiante: A Jesus Cristo sejam dados a glória e o poder para todo o sempre! Amém!

 

Saudação da paz

Cânticos de Louvor

Oração por iluminação

Leitura do Antigo Testamento 2Samuel 23.1-7; Salmo 132.1-12 (13-18)

Leitura do Novo Testamento Apocalipse 1.4b-8; João 18.33-37

Proclamação da Palavra 2Samuel 23.1-7; Salmo 132.1-12 (13-18); Apocalipse 1.4b-8; João 18.33-37

Afirmação de fé – Igreja Reformada Francesa de Zurique, Suíça

Todos: Cremos que Jesus Cristo era verdadeiramente humano. Morreu numa cruz. Ressuscitou. Ele vem. Juntos confessamos: ele vive para cada homem e cada mulher. Ele nos chama para servir ao nosso próximo. Graças a ele nossa vida tem sentido. Sim, Jesus Cristo é o Senhor.

 

Ofertório

Cântico Congregacional

Oração de Intercessão

Convite à mesa (“Trigo e pão” – Luiz Carlos Ramos em Culto Arte – Celebrando a vida. Ed. Vozes – Petrópolis, RJ – 2000)

Que o trigo em pão, memória do corpo do Salvador, seja para nossas vidas o vigor e o alimento para o nosso sonhar constante e nunca desfalecer nas lutas; que a cor viva do vinho, lembrança da vida de Cristo, reviva as esperanças da nossa fé para que o dia-a-dia nos seja plena harmonia.

 

Oração do Senhor

Instituição da Ceia do Senhor

O Partir do Pão

Comunhão do povo

Oração após a Comunhão

Envio (Apocalipse 1.7-8)

Olhem! Ele vem com as nuvens! Todos o verão, até mesmo os que o atravessaram com a lança. Todos os povos do mundo chorarão por causa dele. Certamente será assim. Amém! Eu sou o Alfa e o Ômega, diz o Senhor Deus, o Todo-Poderoso, que é, que era e que há de vir.

 

Bênção

Amém

Poslúdio

Pastorais

Avisos

Recessional

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.