Poesia

Derreto-me

Por dentro me derreto
Sempre que eu te vejo
Tua presença fascina
Teu olhar me alucina

Como calar a paixão?
Como voltar à razão?
Quero mesmo voltar?
Quero pra sempre ficar?

Derreto-me, é assim
Calado sofro, em mim
Nada posso, a ninguém, falar
Só posso, apaixonado, te amar

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.