Liturgias, Tempo Comum

Ano litúrgico B – 4 Tempo Comum – 14 – 18º Domingo no Tempo Comum

Ano litúrgico B – 18º Domingo no Tempo Comum – Cor litúrgica: Verde – Leituras:  2Samuel 11.26—12.13a; Salmo 51.1-12; Efésios 4.1-16; João 6.24-35

 

Processional

Prelúdio

Saudação  (João 6.35)

Jesus respondeu: — Eu sou o pão da vida. Quem vem a mim nunca mais terá fome, e quem crê em mim nunca mais terá sede

Oração de Adoração

Chamada a Adoração (Efésios 4.4-6)

Oficiante: Há um só corpo, e um só Espírito, e uma só esperança, para a qual Deus chamou vocês.

Povo: Há um só Senhor, uma só fé e um só batismo.

Oficiante: E há somente um Deus e Pai de todos, que é o Senhor de todos, que age por meio de todos e está em todos.

 

Cântico Congregacional

Chamada à confissão (Salmo 51.3-4)

Pois eu conheço bem os meus erros, e o meu pecado está sempre diante de mim. Contra ti eu pequei — somente contra ti —e fiz o que detestas. Tu tens razão quando me julgas e estás certo quando me condenas

 

Cântico Congregacional

Oração silenciosa

Oração de confissão

Declaração de perdão (Salmo 51.6-10)

Oficiante: De fato, tenho sido mau desde que nasci; tenho sido pecador desde o dia em que fui concebido.

Povo: O que tu queres é um coração sincero; enche o meu coração com a tua sabedoria.

Oficiante: Tira de mim o meu pecado, e ficarei limpo; lava-me, e ficarei mais branco do que a neve.

Povo: Faze-me ouvir outra vez os sons de alegria e de felicidade; e, ainda que tenhas me esmagado e quebrado, eu serei feliz de novo.

Oficiante: Não olhes para os meus pecados e apaga todas as minhas maldades.

Povo: Ó Deus, cria em mim um coração puro e dá-me uma vontade nova e firme

 

Saudação da paz

Cânticos de Louvor

Oração por iluminação

Leitura do Antigo Testamento 2Samuel 11.26—12.13a; Salmo 51.1-12

Leitura do Novo Testamento Efésios 4.1-16; João 6.24-35

Proclamação da Palavra 2Samuel 11.26—12.13a; Salmo 51.1-12; Efésios 4.1-16; João 6.24-35

Afirmação de fé – Igreja Reformada Francesa (Tradução: José Ávila)

Todos: Cremos em Deus que criou o mundo para que dele cuidemos e com ele celebremos a bondade e a beleza. Ele é a fonte da vida. Cremos em Deus que enviou seu poder a Jesus, o servo, morto e ressuscitado para o perdão e a libertação de todos os homens. Ele é o preço de nossa vida. Cremos em Deus que, pelo seu Espírito, nos une a seu Filho para que combatamos o mal e construamos a paz e a justiça, na esperança de seu Reino. Ele é o sentido de nossa vida. Amém.

 

Ofertório

Cântico Congregacional

Oração de Intercessão

Convite à mesa (“Trigo e pão” – Luiz Carlos Ramos em Culto Arte – Celebrando a vida. Ed. Vozes – Petrópolis, RJ – 2000)

Que o trigo em pão, memória do corpo do Salvador, seja para nossas vidas o vigor e o alimento para o nosso sonhar constante e nunca desfalecer nas lutas; que a cor viva do vinho, lembrança da vida de Cristo, reviva as esperanças da nossa fé para que o dia-a-dia nos seja plena harmonia.

 

Oração do Senhor

Instituição da Ceia do Senhor

O Partir do Pão

Comunhão do povo

Oração após a Comunhão

Envio (Efésios 4.2-3)

Sejam sempre humildes, bem educados e pacientes, suportando uns aos outros com amor.  Façam tudo para conservar, por meio da paz que une vocês, a união que o Espírito dá.

 

Bênção

Amém

Poslúdio

Pastorais

Avisos

Recessional

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.