Ano litúrgico B – 03 – Ciclo Pascal – 07 – 1º Domingo na Quaresma

Ano litúrgico B – 1º Domingo na Quaresma – Cor litúrgica: Roxo – Leituras: Gênesis 9.8-17; Salmo 25.1-10; 1Pedro 3.18-22; Marcos 1.9-15

Processional

Prelúdio

Saudação (Jornada de Jesus, de Rev. Giovanni Alecrim)

Compartilhar cada momento. Vivenciar cada instante. Mulheres e crianças. Pescadores e prostitutas. Na jornada da vida, Jesus não negou seu olhar, seu ouvido, suas mãos e suas palavras

Oração de Adoração

Chamada a Adoração (Salmo 25.8-10)

Oficiante: O Senhor é justo e bom e por isso mostra aos pecadores o caminho que devem seguir.

Povo: Deus guia os humildes no caminho certo e lhes ensina a sua vontade.

Oficiante: Ele é fiel e com amor guia todos os que são fiéis à sua aliança e que obedecem aos seus mandamentos

Cântico Congregacional

Chamada à confissão (Salmo 25.1)

Ó Senhor Deus, a ti dirijo a minha oração. Meu Deus, eu confio em ti

Cântico Congregacional

Oração silenciosa

Oração de confissão

Declaração de perdão (1Pedro 3.18, 21-22 – adaptado)

Oficiante: Pois o próprio Cristo sofreu uma vez por todas pelos pecados, um homem bom em favor dos maus, para levar vocês a Deus

Povo: Esse batismo não é lavar a sujeira do corpo, mas é o compromisso feito com Deus, o qual vem de uma consciência limpa.

Oficiante: Essa salvação vem por meio da ressurreição de Jesus Cristo, que foi para o céu e está do lado direito de Deus, governando os anjos, as autoridades e os poderes do céu.

Saudação da paz

Cânticos de Louvor

Oração por iluminação

Leitura do Antigo Testamento Gênesis 9.8-17; Salmo 25.1-10

Leitura do Novo Testamento 1Pedro 3.18-22; Marcos 1.9-15

Proclamação da Palavra Gênesis 9.8-17; Salmo 25.1-10; 1Pedro 3.18-22; Marcos 1.9-15

Afirmação de fé O amor de Cristo (Romanos 8.35, 37-39)

Todos: Quem nos separará do amor de Cristo? Será tribulação, ou angústia, ou perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada? Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou. Porque eu estou bem certo de que nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as coisas do presente, nem do porvir, nem os poderes, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura poderá separar-nos do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor.

Ofertório

Cântico Congregacional

Oração de Intercessão

Convite à mesa (“Trigo e pão” – Luiz Carlos Ramos em Culto Arte – Celebrando a vida. Ed. Vozes – Petrópolis, RJ – 2000)

Que o trigo em pão, memória do corpo do Salvador, seja para nossas vidas o vigor e o alimento para o nosso sonhar constante e nunca desfalecer nas lutas; que a cor viva do vinho, lembrança da vida de Cristo, reviva as esperanças da nossa fé para que o dia-a-dia nos seja plena harmonia.

Oração do Senhor

Instituição da Ceia do Senhor

O Partir do Pão

Comunhão do povo

Oração após a Comunhão

Envio (Salmo 25.3)

Os que confiam em ti não sofrerão a vergonha da derrota, mas serão derrotados os que sem motivo se revoltam contra ti

Bênção

Amém

Poslúdio

Pastorais

Avisos

Recessional

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.