Litúrgias

Ano litúrgico A – 4 Tempo Comum – 14 – 23° Domingo no Tempo Comum

Ano litúrgico A – 23° Domingo no Tempo Comum – Cor litúrgica: Verde – Leituras: Êxodo 12.1-14; Salmo 149; Romanos 13.8-14; Mateus 18.15-20

Processional

Prelúdio

Saudação (Mateus 18.20)

Porque, onde dois ou três estão juntos em meu nome, eu estou ali com eles.

Oração de Adoração

Chamada a Adoração (Salmo 149.1-3)

Oficiante: Aleluia! Cantem a Deus, o Senhor, uma nova canção. 

Povo: Louvem a Deus na reunião dos seus servos fiéis.

Oficiante: Alegre-se, ó povo de Israel, por causa do seu Criador! 

Povo: Fique contente, ó povo de Jerusalém, por causa do seu Rei! 

Oficiante: Louvem a Deus, o Senhor, com danças e, em seu louvor, toquem pandeiros e liras.

Cântico Congregacional

Chamada à confissão (Mateus 18.19)

— E afirmo a vocês que isto também é verdade: todas as vezes que dois de vocês que estão na terra pedirem a mesma coisa em oração, isso será feito pelo meu Pai, que está no céu

Cântico Congregacional

Oração silenciosa

Oração de confissão

Declaração de perdão (Romanos 13.13-14)

Oficiante: Vivamos decentemente, como pessoas que vivem na luz do dia. 

Povo: Nada de farras ou bebedeiras, nem imoralidade ou indecência, nem brigas ou ciúmes.

Oficiante: Mas tenham as qualidades que o Senhor Jesus Cristo tem e não procurem satisfazer os maus desejos da natureza humana de vocês.

Saudação da paz

Cânticos de Louvor

Oração por iluminação

Leitura do Antigo Testamento Êxodo 12.1-14; Salmo 149

Leitura do Novo Testamento Romanos 13.8-14; Mateus 18.15-20

Proclamação da Palavra Êxodo 12.1-14; Salmo 149; Romanos 13.8-14; Mateus 18.15-20

Afirmação de fé da Igreja Reformada Francesa (Tradução de José Ávila)

Todos: Cremos em Deus que criou o mundo para que dele cuidemos e com ele celebremos a bondade e a beleza. Ele é a fonte da vida. Cremos em Deus que enviou seu poder a Jesus, o servo, morto e ressuscitado para o perdão e a libertação de todos os homens. Ele é o preço de nossa vida. Cremos em Deus que, pelo seu Espírito, nos une a seu Filho para que combatamos o mal e construamos a paz e a justiça, na esperança de seu Reino. Ele é o sentido de nossa vida. Amém.

Ofertório

Cântico Congregacional

Oração de Intercessão

Convite à mesa (“Trigo e pão” – Luiz Carlos Ramos em Culto Arte – Celebrando a vida. Ed. Vozes – Petrópolis, RJ – 2000)

Que o trigo em pão, memória do corpo do Salvador, seja para nossas vidas o vigor e o alimento para o nosso sonhar constante e nunca desfalecer nas lutas; que a cor viva do vinho, lembrança da vida de Cristo, reviva as esperanças da nossa fé para que o dia-a-dia nos seja plena harmonia.

Oração do Senhor

Instituição da Ceia do Senhor

O Partir do Pão

Comunhão do povo

Oração após a Comunhão

Envio (“Bênção” – Comunidade de Iona, Escócia. Extraído de Culto Arte – Celebrando a vida. Ed. Vozes – Petrópolis, RJ – 2000)

Sobre nossos corações e nossas casas a benção de Deus. Em nossa vida e paixão, amor de Deus. Em nossa despedida e o novo começo, os braços de Deus nos acolham e nos conduzam de volta ao lar.

 

Bênção

Amém

Poslúdio

Pastorais

Avisos

Recessional

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s