Litúrgias

Ano litúrgico A – 3 Ciclo Pascal – 09 – Sexta-feira da Paixão

Ano litúrgico A – Sexta-feira da Paixão – Cor litúrgica: Preta – Leituras: Isaías 52.13—53.12; Salmo 22; Hebreus 10.16-25 ou Hebreus 4.14-16, 5.7-9; João 18.1—19.42

Processional

Prelúdio

Saudação (Sexta-feira da Paixão, de Rev. Giovanni Alecrim)

Reunidos hoje, em devoção, lembramos o dia da morte do Senhor. Dia de tristeza e luto, dia de meditar no sacrifício de nosso Senhor. Reunidos como povo, meditemos na morte vicária de Jesus.

Oração de Adoração

Chamada a Adoração (Adoração diante da cruz, de Rev. Giovanni Alecrim)

Oficiante: Povo de Deus, contemplem a cruz do calvário.

Povo: Nela, nossas culpas estão pregadas.

Oficiante: Povo de Deus, contemplem as chagas de Jesus.

Povo: Nelas, nossas culpas estão manifestas.

Oficiante: Povo de Deus, contemplem a dor de Jesus.

Povo: Nela, está o peso de nosso pecado.

Oficiante: Povo de Deus, diante da cruz, adoremos nosso Deus.

Cântico Congregacional

Chamada à confissão (Diante de tua cruz, de Rev. Giovanni Alecrim)

Diante de tua cruz, ó Senhor, confessamos que não somos dignos de ti. Ouve nossa oração, ó Senhor, faz-nos reconhecer em teu sacrifício o teu amor por nós.

Cântico Congregacional

Oração silenciosa

Oração de confissão

Declaração de perdão (Salmo 22.23-25)

Oficiante: “Louvem a Deus, o Senhor, todos os que o temem.

Povo: Descendentes de Jacó, prestem culto a Deus! Povo de Israel, adore o Senhor!

Oficiante: Ele não abandona os pobres, nem esquece dos seus sofrimentos.

Povo: Ele não se esconde deles, mas responde quando gritam por socorro.”

Oficiante: Na reunião de todo o povo, ó Senhor, eu te louvarei pelo que tens feito.

Povo: Na presença de todos os que te temem, oferecerei os sacrifícios que prometi.

Oração por iluminação

Leitura do Antigo Testamento Isaías 52.13—53.12; Salmo 22

Leitura do Novo Testamento Hebreus 10.16-25 ou Hebreus 4.14-16, 5.7-9; João 18.1—19.42

Proclamação da Palavra Isaías 52.13—53.12; Salmo 22; Hebreus 10.16-25 ou Hebreus 4.14-16, 5.7-9; João 18.1—19.42

Intercessão Silenciosa

Oração do Senhor

As solenes reprovações da Cruz (Manual do Culto da Igreja Presbiteriana Independente do Brasil)

Oficiante: Não vos comove isto a todos vós, que passais pelo caminho? Atendei e vede, se há dor como esta minha dor, que veio sobre mim, com que me entristeceu o Senhor, no dia do furor de sua ira

Povo: Senhor, tem piedade de nós.

Oficiante: Ó povo meu, ó igreja minha, no que vos tenho ofendido? Respondei-me. Eu vos tirei do poder do pecado e da morte, e vos dei libertação pelo batismo da água e do Espírito. Vós, porém, preparastes a cruz para o vosso Salvador.

Povo: Senhor, tem piedade de nós.

Oficiante: Eu vos enviei o Espírito da verdade para vos guiar, e vós fechastes os corações ao consolado. Eu orei para que todos sejam um no Pai e em mim, mas vós continuais a discutir e a promover divisões entre vós. Eu vos enviei ao mundo para produzir frutos, mas vós lançastes sortes sobre minha túnica e preparastes a cruz para vosso salvador.

Povo: Senhor, tem piedade de nós.

Oficiante: Eu vim para vós como o menor entre vossos irmãos e irmãs; eu tive fome, e não me destes de comer; eu tive sede, e não me destes água a beber; eu era estrangeiro e não me recebestes; nu, e não me destes o que vestir; doente e na prisão, e não me visitastes. Todavia, vós preparastes a cruz para o vosso Salvador.

Povo: Senhor, tem piedade de nós.

Oficiante: Deus santo, santo e de todo o poder, santo e imortal, tem misericórdia de nós.

Recessional em silêncio

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s