Artigos

O cristão e as eleições

Qual deve ser nossa postura durante a campanha eleitoral? É correto um cristão assumir que vai votar num determinado candidato? Quero começar a responder esta pergunta recorrendo ao Reformador Martinho Lutero

Se diz ao papa e aos seus: ‘Sua tarefa é orar’; ao imperador e a sua gente: ‘Sua tarefa é proteger’; e ao homem comum: ‘Sua tarefa é trabalhar’. Não que não fosse dever de cada um orar, proteger e trabalhar, pois tudo é oração, proteção e trabalho quando alguém exerce a sua atividade; mas o que importa é que seja atribuída a cada um a sua atividade (Martinho Lutero)

Lutero está fazendo referência à relação entre Estado e Igreja. Há aqui um elemento importante, extraído da carta de Paulo aos Romanos 13.5

Portanto, é necessário que sejamos submissos às autoridades, não apenas por causa da possibilidade de uma punição, mas também por questão de consciência.

Estamos em ano eleitoral, dentro de alguns dias os moradores de nossas cidades irão às urnas eleger prefeito e vereadores. Com regras novas, a campanha eleitoral tornou-se mais difícil aos candidatos. O Ministério Público Federal, acertadamente, já se manifestou quanto a candidatos ocuparem púlpitos de Igrejas: é crime eleitoral. Assim sendo, até mesmo os candidatos evangélicos e católicos estão perdendo terreno na conquista de votos. Embora ainda haja Igrejas que assumam publicamente apoio a este ou aquele candidato. Mesmo assim, o que antes era garantido, agora precisa ser disfarçado. Muitas Igrejas têm chamado candidatos de sua preferência à frente, em culto público, para “orar pelo irmão” e “proclamar vitória sobre a vida do irmão”.

E pessoalmente? Posso assumir apoio a este ou aquele candidato? Claro que pode, não há nada que impeça você de manifestar seu voto, no entanto ‒ e a há sempre um ‘no entanto’ ‒ é necessária cautela nessa hora. Temos vivido dias conturbados em nossa política nacional. Partidos que se arvoravam baluartes da ética hoje encontram-se num emaranhado de denúncias e condenações. Ao assumir publicamente o apoio a um candidato, certifique-se do histórico de vida pública e privada dele. Aquele a quem você apoia reflete a fé que publicamente você professa? Aquele a quem você apoia, independente se cristão ou não, expressa em sua vida valores dignos para comandar ou legislar sobre a nossa cidade?

Daí retomo a parte final de Romanos 13.5: mas também por questão de consciência. Escolher prefeito e vereador não deve ser uma questão de privilégio, mas uma questão de consciência, ou seja, não é o que o candidato, uma vez eleito, trará de benefício pessoal ou institucional para nós, mas sim como minha consciência se alinha com o que o candidato em questão propõe. No entanto, não é a minha consciência que determina. Se confesso Jesus Cristo como meu Senhor e Salvador, é pela consciência de Cristo que devo votar. O voto, então, passa a ser uma escolha consciente e submetida aos pés de Jesus. Por isso, antes de votar, ore. Aliás, muito antes de votar, ore. Peça a Deus que oriente, por meio do Espírito Santo, em quem você deve votar.

Você pode ter uma ideologia política, sem problemas, mas não permita que tal ideologia tome o lugar de Jesus Cristo em sua vida. Não sei a vocês, mas me incomoda ver tantos cristãos falando tanto de política e tão pouco de Cristo e ser cristão na política. Não podemos inverter as prioridades. Somos cidadãos do Reino de Deus a serviço na pátria amada Brasil. Não o contrário. Assim, devemos priorizar o Reino e sua justiça, sempre. Nas próximas eleições vote com consciência cristã, submeta seu voto e sua ideologia àquele que governa todas as coisas, o Rei do Universo e nosso Senhor, Jesus.

Reverendo Giovanni Alecrim
Pastor da Igreja Presbiteriana Independente do Brasil

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s