Cuidados na vida cristã

Esboço do sermão pregado na Igreja Presbiteriana Independente de Araraquara em 3 de julho de 2016, texto bíblico do 14º Domingo no Tempo Comum.


Introdução

  • A vida cristã é uma vida de desafios
  • A vida cristã é uma vida com compromissos
  • Compromissos exigem de nós cuidados
  • Como viver a vida cristã fielmente?
  • Quais os cuidados que devemos ter?

Leitura Bíblica: Gálatas 6, na Tradução Contemporânea A Mensagem

Amigos, vivam com criatividade. Se alguém cair em pecado, restaurem-no com perdão. Guardem as críticas. Vocês podem precisar de perdão antes que o dia termine. Ajam com misericórdia e estendam a mão aos oprimidos. Compartilhem aquilo que pesa a vocês e cumpram, desse modo, a lei de Cristo. Se pensam que são bons demais para agir assim, estão muito enganados.

Cada um examine com cuidado a si mesmo e a maneira segundo a qual está cumprindo a missão que recebeu e dedique atenção total a ela. Não fiquem admirando vocês mesmos nem se comparando com os outros. Cada um precisa assumir o compromisso de fazer o melhor que puder com sua vida.

Vocês, que já chegaram à maturidade, sejam generosos com aqueles que os instruíram, compartilhando com eles tudo o que de bom possuem e experimentam.

Não se enganem: ninguém faz Deus de bobo. Toda pessoa colhe o que plantou. Quem planta egoísmo, ignorando a necessidade dos outros — e a Deus! —, colherá o mal. O resultado de sua vida será frutos inúteis. Mas aquele que planta conforme Deus, permitindo que o Espírito faça a obra de crescimento nele, terá uma colheita de verdadeira vida, vida eterna.

Portanto, não se cansem de fazer o bem. No tempo certo, teremos uma boa colheita, se não nos desesperarmos nem desistirmos. Cada vez que tivermos chance, trabalhemos para o benefício de todos, a começar pelos mais próximos de nós na comunidade de fé.

Nestas linhas finais, chamo atenção para os traços grossos da minha caligrafia, para ressaltar a importância do que escrevi. Aqueles que tentam impor a vocês a prática da circuncisão têm um único objetivo: querem parecer bons sem fazer esforço, pois não têm coragem de viver a fé que compartilha o sofrimento e a morte de Cristo. A doutrina deles nada é. Até porque nem eles guardam a Lei! Observam apenas as leis que interessam aos seus propósitos. Eles querem que vocês sejam circuncidados para que possam se orgulhar do sucesso em recrutá-los para o lado deles. Como são desprezíveis!

Quanto a mim, não vou me orgulhar de nada a não ser da cruz do nosso Senhor Jesus Cristo. Por causa daquela cruz, fui crucificado aos olhos do mundo, libertado da atmosfera sufocante da necessidade de agradar os outros e me encaixar nos padrões mesquinhos ditados por eles. Percebem que esta é a questão principal? Não é o que fazemos, como submeter-se à circuncisão ou rejeitá-la. É o que Deus está fazendo, e ele está criando algo novo, uma vida livre! Todos os que caminham por esse padrão são o verdadeiro Israel de Deus, seu povo escolhido. Paz e misericórdia sejam com eles!

Francamente, não quero mais ser incomodado com essas disputas. Tenho coisas mais importantes para fazer, como viver a fé com seriedade. Trago em meu corpo as cicatrizes do meu trabalho por Jesus.

Que tudo que nos é concedido livremente pelo Senhor Jesus Cristo venha a ser de fato de vocês, meus queridos amigos. Amém!

Explicação

Quanto ao Livro

  • Escrito entre 49-55d.c
  • Autoria tradicionalmente atribuída à Paulo.
  • Galácia, na Ásia Menor, corresponde a uma pequena parte do atual território da Turquia.
  • Auxiliar os cristãos da Galácia a resistir aos falsos mestres que pregavam a salvação em Cristo por meio da obediência à lei e não pela graça.

Anterior ao texto

Paulo vem desenvolvendo o argumento da fundamentação da salvação pela Graça e aborda a questão da liberdade limitada pelo amor e apresenta os frutos da carne – lei – em contraste com os frutos do Espírito – Cristo. Então ele passa à parte final da carta, no texto que lemos.

Posterior ao texto

  • Fim da carta

Quanto ao texto escolhido

  • Preocupação com o cuidado no restauro do erro: quem é de Cristo não é conivente com o erro mas busca corrigi-lo para honra e glória de Deus.
  • Lei de Cristo: Mateus 22.37, 39 e Mateus 5.43:
    • “‘Ame o Senhor seu Deus com toda a paixão, toda a fé e toda a inteligência’. Esse é o mais importante, o primeiro de qualquer lista. Mas há um segundo, ligado a esse: ‘Ame o próximo como a você mesmo’”.
    • “Vocês conhecem a antiga lei: ‘Amem seus amigos’, e seu complemento não escrito: ‘Odeiem seus inimigos’. Quero redefinir isso. Digo que vocês devem amar os inimigos”.
  • O cuidado com os que sofrem, independente se cristãos ou não, é dever da Igreja de Cristo. O cuidado com os da Igreja de Cristo que sofrem é prioridade na Igreja de Cristo.
  • Trago em meu corpo as cicatrizes do meu trabalho por Jesus: Cicatrizes aqui revela a condição de Paulo como escravo do Evangelho. Os escravos carregavam as cicatrizes do trabalho duro que faziam. Tal qual, Paulo carregou em sua pele as cicatrizes de sua vida missionária.

O que Gálatas 6 tem a nos ensinar? Vamos falar hoje sobre os Cuidados na vida cristã e a importância do cuidado mútuo, do cuidado com a missão e o cuidado com a fidelidade. Para começar, em nossa vida cristã temos que ter

Cuidado mútuo

  • Leitura: 1-6
  • Aplicação: O zelo, amor e apoio de uns para com os outros que reflete o zelo, amor e apoio de Deus para conosco, sempre com a humildade que Cristo teve.
  • Frases de aplicabilidade: O cuidado mútuo pressupõe amor. “Guardem as críticas. Vocês podem precisar de perdão antes que o dia termine”.
  • Ilustração: O homem que quebrou a perna e ninguém quis ajudar
  • Conclusão: Cristo veio para nos unir em comunidade a fim de que, na união em seu corpo, vivamos para o zelo, amor e apoio uns aos outros sendo humildes em nossas atitudes.

Cuidado com a missão

  • Leitura: 7-10
  • Aplicação: O que você tem plantado em sua vida? É fácil exigir amizade e companheirismo, mas você é amigo e companheiro? O que plantamos, colhemos.  Por isso devemos fazer o bem incansavelmente.
  • Frases de aplicabilidade: Antes de clamar pela sua justiça, pratique o bem, multiplique o evangelho, e aguarde a justiça divina.
  • Ilustração: Testemunho sobre a chega a Araraquara e o cuidado mútuo para com os de fora e de dentro da igreja
  • Conclusão: Multiplicar, ser alguém que reproduz o evangelho em todas as áreas da vida. O meio? Pela prática do bem. Este é o nosso cuidado para com a missão.

Cuidado com a fidelidade

  • Leitura: 11-18
  • Aplicação: Não se prenda a àquilo que parece aconchegante num primeiro momento, mas que é apenas uma fuga para não encarar as mudanças que a fidelidade a Cristo exige de nós.
  • Frases de aplicabilidade: Nos prendemos a problemas e reclamações, mas não vivemos para conduzir os problemas ao pé da cruz de Cristo. Gente tóxica, que só traz problemas, mas não se dispõe à solução, a viver a solução. Com eles Paulo é direto: “Tenho coisas mais importantes para fazer, como viver a fé com seriedade”.
  • Ilustração: Breve histórico de José, do Egito: traído, vendido, caluniado, preso e esquecido.
  • Conclusão: A fidelidade a Deus passa pela nossa submissão a cuidar uns dos outros e cuidar da missão. Não se prenda em problemas menores, há algo maior a ser feito: anunciar e viver o evangelho.

Conclusão

  • Como viver a vida cristã? O texto mesmo nos responde: “Tenho coisas mais importantes para fazer, como viver a fé com seriedade. Trago em meu corpo as cicatrizes do meu trabalho por Jesus”. Gálatas 6:17 Quantas cicatrizes você tem para mostrar do trabalho por Jesus?
  • Quais os cuidados que devemos ter?
    • O cuidado mútuo: “Ajam com misericórdia e estendam a mão aos oprimidos”. Gálatas 6:2
    • O cuidado com a missão: “Portanto, não se cansem de fazer o bem. No tempo certo, teremos uma boa colheita”. Gálatas 6:9
    • O cuidado com a fidelidade: “Quanto a mim, não vou me orgulhar de nada a não ser da cruz do nosso Senhor Jesus Cristo”. Gálatas 6:14
  • Ilustração da harpa

Em nossa vida cristã temos que ter cuidado mútuo: Cristo veio para nos unir em comunidade a fim de que, na união em seu corpo, vivamos para o zelo, amor e apoio uns aos outros sendo humildes em nossas atitudes.

Em nossa vida cristã temos que ter cuidado com a missão Multiplicar, ser alguém que reproduz o evangelho em todas as áreas da vida. O meio? Pela prática do bem. Multiplicar, ser alguém que reproduz o evangelho em todas as áreas da vida. O meio? Pela prática do bem. Este é o nosso cuidado para com a missão.

Em nossa vida cristã temos que ter cuidado com a fidelidade A fidelidade a Deus passa pela nossa submissão a cuidar uns dos outros e cuidar da missão. Não se prenda em problemas menores, há algo maior a ser feito: anunciar e viver o evangelho.

Reverendo Giovanni Alecrim
Pastor da Igreja Presbiteriana Independente do Brasil

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.