Artigos

E viveram felizes para sempre

Parte 2 de 4 do texto escrito para o Curso para noivos da Igreja Presbiteriana Independente de Araraquara.


 

A frase final dos contos de fadas e histórias de amor é um ideal construído nas mentes e corações de muitos que vão para o altar, não só de mulheres, mas também de homens, que acreditam que o casamento não passa por situações difíceis e que o amor por si só se basta para a felicidade do casamento. Como vimos no encontro anterior, muitas são as razões que levam um casal a buscar o matrimônio e, com certeza, a mais bela delas é o amor. Muitos casais afirmam categoricamente: vamos nos casar porque nos amamos. Mas, e quando o amor acaba? E quando o “viveram felizes para sempre” se torna só uma sentença de contos de fadas? Como lidar com a possibilidade do fim do amor no casamento?

Nova família, nova vida

O casamento é a constituição de uma nova família, e, portanto, de uma nova vida. Por isso, o casal precisa ter em mente que o casamento é o ajuntar de famílias. O marido vem com sua bagagem: educação e valores que recebeu de seus pais, sua cultura e fé, classe social e emprego, estrutura racional e emocional. A esposa também vem com a bagagem dela. Quando voltam da lua de mel e vão para casa – uma nova casa – todos esses valores os acompanham. A paixão e o amor dos primeiros meses conseguem relevar muita coisa, porém, com o tempo, certas atitudes e palavras começam a incomodar, seja o marido, seja a esposa, seja ambos. Aqui é o ponto crucial para começar a se definir a personalidade da nova vida: como lidar com todas essas bagagens? Como adaptar toda essa bagagem na criação e desenvolvimento de uma nova vida, uma nova família, com características próprias? Lembre-se, no casamento em que Deus é parte, todas as dificuldades de adaptação podem ser resolvidas.

Nova família, novas atitudes

Na relação a dois, em uma nova família, devemos vigiar nossas atitudes. Elas serão o reflexo de tudo aquilo que queremos construir à dois. Quando existirem conflitos e dificuldades, lembre-se de alguns preceitos bíblicos que auxiliam o casal nesta hora:

  1. Saiba ouvir – Provérbios 15.23
  2. Saiba como falar – Colossenses 4.6
  3. Compartilhe tudo com seu cônjuge – Efésios 5.22-31
  4. Perdoe! Efésios 4.32
  5. Seja humilde – 1Pedro 5.5-6
  6. Não vá dormir irado – Efésios 4.26
  7. Seja amável – Efésios 4.31
  8. Mantenha uma vida sexual ativa – 1Coríntios 7.3-5.

Seguindo estes preceitos, o casal conseguirá manter sempre aberta uma porta para a conciliação e crescimento. Novas atitudes exigem de nós disciplina e vontade. Se a pessoa com quem vou me casar é o amor da minha vida e é com ela que quero viver todos os dias da minha vida, então eu devo cultivar atitudes que vão possibilitar o desenvolvimento saudável da minha nova família.

E viveram felizes para sempre

O amor um dia realmente acaba? Depende do casal. O amor não é um sentimento sobrenatural, mas sim uma escolha que fazemos. O marido escolhe amar a esposa e ser fiel à ela e com ela construir uma nova família. A esposa escolhe amar o marido e ser fiel a ele e com ele construir uma nova família. Amar é escolher, todos os dias, amar o seu cônjuge. O “viveram felizes para sempre” é possível na medida que escolhemos amar nosso cônjuge, independente das circunstâncias que vivemos e dos problemas que enfrentamos. Haverá dias em que os problemas serão grandes, desanimarão, tomarão conta de todo o casamento, ainda assim, os casais que escolheram se amar passam por essas dificuldades mais seguros de suas escolhas e das consequências que enfrentarão. Por que? Porque escolheram viver um casamento à três: marido e mulher e Deus.

Reverendo Giovanni Alecrim
Pastor da Igreja Presbiteriana Independente do Brasil

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s