Artigos, Pensamentos

Intimidade

O que é aparente não revela o que está oculto. Somos reflexos de pequenos fragmentos do que temos dentro de nós, em nosso caráter e alma. Porém, não permitimos que nossas profundezas venham à tona. Por que?

Crédito: freeimages.com

Porque ninguém é cem por cento transparente. No entanto, quanto mais se convive com alguém, mas se conhece essa pessoa. Por isso os relacionamentos tendem a ser dentro de interesses estabelecidos, quer claramente ou não. No entanto, quando falamos de comunidade cristã, o alvo a ser alcançado são relacionamentos mais abertos e sinceros. No entanto, o que temos é a construção de comunidades de fé onde a impessoalidade fala mais alto. Ser cristão é se envolver e ser envolvido. Não há espaço para a impessoalidade no relacionamento cristão. Não há espaço para a indiferença. Não vamos abrir o livro de nossas vidas de uma hora para outra, mas vamos nos permitir conhecer e ler melhor a vida do nosso semelhante, sabendo que intimidade pressupõe confiança. Por isso que o salmista confia em Deus, pois o Senhor o conhece intimamente. Achegue-se a Deus, quanto mais perto estamos dele, mais conhecemos a nós mesmos.

Ó Eterno, investiga minha vida; faz um apanhado de todos os fatos. Sou como um livro aberto para ti: mesmo de longe, sabes o que estou pensando. (Salmo 139.1-2 A mensagem)

Reverendo Giovanni Alecrim
Pastor da Igreja Presbiteriana Independente do Brasil

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s