Artigos

Voz de Deus, voz dos homens

Tornou-lhe ele: Também eu sou profeta como tu, e um anjo me falou por ordem do Senhor, dizendo: Faze-o voltar contigo a tua casa, para que coma pão e beba água. (Porém mentiu-lhe.) (1 Reis 13.18)

O texto de 1 Reis fala sobre um profeta que rendeu-se a um argumento que muitos lideres se rendem. Ao dar ouvidos à voz de um falso profeta, aquele profeta, cujo nome não sabemos, chama juízo sobre sua vida.

Muitos líderes tem se deixado levar por palavras e idéias de pessoas que se apresentam como detentores da voz de Deus, mas na verdade, falam em seu próprio interesse. A palavra de Deus dada a nós, não se contradiz, se confirma em nossas vidas. Como líderes de uma comunidade de fé, precisamos estar atentos ao que é palavra de Deus e o que é palavra de homens. Precisamos questionar a nós mesmos e não temermos ser questionados por nossos liderados. Precisamos questionar aqueles que são nossos líderes, sabendo que o diálogo nos conduz ao crescimento pessoal e espiritual.

Ao dar ouvidos à palavras de homens em detrimento da palavra de Deus, chamamos juízo de Deus para nós. Deveremos arcar com as conseqüências disto em nossas vidas. Mas quando damos ouvidos à Deus, em detrimento dos homens, chamamos graça de Deus, mesmo que aos olhos dos homens pareça loucura.

Que Deus nos abençoe
Reverendo Giovanni Alecrim
Pastor da Igreja Presbiteriana Independente do Brasil

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s